Justiça Federal determina que Ibama reavalie licenciamento de mineradora no Rio Xingu

Medida atende a pedido do Ministério Público Federal, que questiona a competência da Semas para dar o licenciamento ambiental.

O juiz federal em Altamira Paulo Mitsuru Shiokawa Neto concluiu, em decisão proferida na segunda-feira (3), que o IBAMA é o órgão ambiental competente para autorizar o licenciamento do projeto de mineração de ouro Volta Grande, da empresa Belo Sun, no rio Xingu, no sudeste do Pará.

O magistrado não anulou a licença já emitida pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Pará (Semas), mas determinou que para prosseguir o licenciamento, o IBAMA deve reavaliar as licenças já concedidas, de modo a garantir a regularidade do processo.

A medida atende a pedido do Ministério Público Federal, que questiona a competência da Semas para dar o licenciamento ambiental.

Para o MPF, além de atingir terras indígenas, os impactos socioambientais do projeto da mineradora canadense no município de senador José Porfírio estão associados e potencializados pelos impactos da construção da hidrelétrica de Belo Monte.

Em nota, a Belo Sun afirma que não haverá lançamento de rejeitos no Rio Xingu e que o impacto da obra no Assentamento Ressaca é mínimo já que há apenas nove posseiros em áreas de até 100 hectares. A empresa também destaca que a elaboração do estudo do componente indígena continua a ser realizado com a coleta de dados primários com consultas às comunidades.

Para o governo do Pará, os impactos da atividade da Belo Sun não tem relação com o licenciamento da Hidrelétrica de Belo Monte e não há impacto ambiental regional, desta forma, caberia à Semas a concessão da licença ambiental do projeto.

O IBAMA  informou que ainda não foi notificado da determinação judicial. No processo, porém, o órgão manifestou que é do Estado do Pará a competência para licenciar o empreendimento.

Fonte: EBC

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s