Armazenamento de energia é fundamental para que haja “boom” no uso de renováveis no mundo

O armazenamento energético possibilita maior uso de energias renováveis

Armazenamento de energia elétrica

Para a humanidade, é fundamental a busca por armazenar energia, de modo a tê-la disponível a qualquer momento. Atualmente, nossa principal forma de energia é a energia elétrica, útil para diversas funções. Com o passar dos anos, técnicas de armazenamento de energia têm sido desenvolvidas a fim de aprimorar, facilitar o manuseio e melhorar a performance dos processos.

Diversas iniciativas em todo o mundo têm buscado resolver a complexa equação de atender oferta e demanda de energia, e os objetivos políticos da região da instalação, que envolvem: energia segura, confiável e acessível; eletricidade acessível para todos; volatilidade reduzida dos preços; e promoção do desenvolvimento social e econômico. Uma alternativa utilizada tem sido a concepção de sistemas mais estáveis e resilientes pelo uso de tecnologias que viabilizem a geração e o armazenamento distribuído de energia elétrica associada a fontes renováveis de energia.

Se analisarmos a matriz energética mundial, é visível o avanço das fontes renováveis no início do século XX. Os tipos de energia solar e eólica representam as maiores adições em nova geração de energia elétrica, em que o armazenamento de energia é uma das principais peças para a transição de uso de energias não renováveis para estas energias limpas.

Algumas formas de armazenamento tem um papel fundamental na otimização e na melhoria do rendimento no uso de fontes de energia renováveis, que são fontes que não estão disponíveis 24 horas por dia. O armazenamento de energia de forma acessível e eficiente tem transformado fontes que antes eram inviáveis, em mercadoria estável com a capacidade de serem despachadas de acordo com a necessidade do mercado.

Para a energia solar, por exemplo, armazenar energia será uma ação decisiva em sua escolha para sistemas distribuídos. O uso dessa fonte em lugares remotos ou ilhas (lugares onde as conexões são fracas ou faltam opções de geração de energia) faz do armazenamento energético uma das únicas opções viáveis para integrar sistemas fotovoltaicos em redes elétricas. Além da união entre sistemas fotovoltaicos e armazenamento em baterias melhorarem a segurança e confiabilidade do sistema de energia.

Devido a demanda de energia flexível e o uso de usinas de despacho imediato, como as hidrelétricas e as termelétricas, o uso de fontes renováveis acopladas a sistema de armazenamento ainda não está sendo utilizado a todo seu potencial. Entretanto, de acordo com a Agência Internacional para as Energias Renováveis (Irena, na sigla em inglês), é esperado 80 gigawatts (GW) a 90 GW de nova capacidade solar, energia suficiente para alimentar mais de oito bilhões de lâmpadas LED, sejam agregados globalmente todos os anos nos próximos até meados da década de 2020.

Em um estudo feito pela Irena é mostrado que 96% do armazenamento está nas represas de hidrelétricas, inclusive as reversíveis, que bombeiam água de volta nos horários de baixo consumo. No entanto, o trabalho aponta para o aumento da quantidade e da capacidade dos sistemas de baterias, o que está reduzindo seus preços.

Também é apontado no estudo que a principal bateria é a de íon-lítio, mas outras estão despontando comercialmente, como a de sódio-enxofre (NaS) em alta temperatura, conhecida como bateria de fluxo. E que seu preço tem diminuído. Na Alemanha, por exemplo, o preço de um sistema doméstico de íon-lítio caiu 60% nos últimos três anos. Estima-se que, em 2030, a capacidade instalada em baterias chegue a 175 GW, enquanto a de reservatórios de hidrelétricas deve chegar a 235 GW.

A transformação do setor de energia para uso somente de tecnologias renováveis depende de apoio de políticas em todo o mundo. Com esse apoio haverá mais implantação e estímulo para desenvolvimento de tecnologias e redução de custo das energias renováveis. Cria-se um ciclo virtuoso, em que o apoio a essas tecnologias gera vantagens econômicas para o uso, e o desenvolvimento destas irá torná-las mais eficientes, ganhando mais apoio.

A implantação e o valor das tecnologias de armazenamento por baterias para a integração de energias renováveis dependerá da criação de um ecossistema apropriado, com interação significativa entre política, regulação, modelos de negócios e consumidores. Os responsáveis pelo nível regulatório do mercado deverão se envolver ativamente no desenvolvimento desses ecossistemas para garantir que as baterias sejam um apoio à transição para as energias renováveis, maximizando sua importância para a sociedade.

Fonte: eCycle

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s