Proteção das cavernas ganha forte aliado

CMBio lança documento para auxiliar estudos de licenciamento ambiental em áreas onde as cavidades naturais subterrâneas possam ser impactadas.

Brasília (24/10/2016) – Para evitar que as cavidades naturais subterrâneas brasileiras sejam impactadas por empreendimentos ou atividades em seus arredores, o Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Cavernas (Cecav), do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, (ICMBio), realizou uma série de estudos sobre o assunto, que resultaram na publicação de dois documentos sobre Sismografia Aplicada à Proteção do Patrimônio Espeleológico.

O objetivo é impedir que as vibrações sísmicas – movimentos vibratórios das partículas das rochas – causadas pela mineração, construção de rodovias, ferrovias, obras de engenharia, entre outros fatores, possam causar danos irreversíveis às cavernas, como sua derrubada parcial e até total. (Clique aqui para ter acesso aos documentos).

Segundo os gestores do Cecav, o documento é uma contribuição técnica a ser utilizada em análises de estudos ambientais de regiões onde haja cavernas concomitantemente ao interesse de empreendedores. Nele, são estabelecidas diretrizes e orientações necessárias para controlar vibrações decorrentes das construções de empreendimentos.

Esse conjunto de material, ainda segundo o Cecav, poderá contribuir para a elaboração de termos de referência em processos de licenciamento ambiental. A expectativa é que com a utilização dessas diretrizes, os órgãos licenciadores passem a ter maior domínio técnico sobre o tema e maior segurança no momento da avaliação e, quando necessário, sugiram meios alternativos e adequados para conservação desses patrimônios naturais.

A preservação e conservação das cavernas, sítios espeleológicos e suas respectivas áreas de influência visa à manutenção dos sistemas ecológicos, sensíveis e diferenciados. Nas cavernas podem ser desenvolvidos estudos científicos minuciosos e sistemáticos em diversos campos do conhecimento.

Entre os importantes papéis que as cavernas desempenham no meio ambiente, está o de atuar no armazenamento estratégico de água, com a carga e recarga de aquíferos. Além disso, ressaltam os gestores do Cecav, os ambientes cavernícolas registram informações relativas aos processos geológicos, possibilitando pesquisar a origem, a formação e as sucessivas transformações da litologia (estudo especializado em rochas e suas camadas) local e do paleoclima (clima de determinado período pré-histórico). As cavernas são também opções para atividades turísticas e esportivas.

Comunicação ICMBio
(61) 2028-9280

Fonte: ICMBio

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s